Toda capital sempre tem seus talentos culinários, aqueles cantinhos escondidos e outros celebres entre os turistas. Então, vou contar para vocês os restaurantes que visitei nessa ultima viagem que fiz para Santiago e vamos acrescentar também nessa lista um de Viñadel Mar.

Primeiramente, Santiago possui um espaço chamado Bella Vista, que ali é um centro que reúne diversos restaurantes, bares e cafés, além de lojas de diversos tipos; portanto se você quiser todos os dias da sua viagem fazer suas refeições no Pátio Bella Vista, certeza que você vai ter muitas opções.

BARRICA 94

Tenho que confessar que sou uma pessoa dotada de lombriga, então quando vejo algo que tenho vontade de comer fico pensando até chegar o dia que como. Para quem não sabe eu sou mega fã de Alan Estrada, um ator mexicano que agora vive viajando o mundo, mas isso vou destacar um post somente para ele, pois é muito amor envolvido e preciso que mais gente conheça seu trabalho. Enfim, Alan fez um vídeo comendo nesse local e quase tive uma sincope vendo o vídeo e desde então falei se voltasse a Santiago queria conhecer lá.

O prato que estava com vontade era uma costelinha de porco (detalhe: não gosto se costela de nenhum tipo hahaha), na verdade no cardápio é Asado de tira com salsa de chancaca e mote.

Mas vamos falar do restaurante: o Barrica 94 é uma mistura que quer mostrar os bons vinhos de seu país e com a culinária moderna. Já na chegada você leva um choque com a beleza da adega na parede, que conta com mais de 300 títulos de vinhos, e praticamente quase todos chilenos, e tem que ser né? Estamos na terra do bom vinho. Chegamos cerca de onze da noite no restaurante em nosso primeiro dia de viagem, e por ser uma quarta-feira e acredito pelo horário também o restaurante estava praticamente vazio.

10869567_1696043160621980_7979996388075055489_o

FOTO OFICIAL DO SITE BARRICA 94: FACHADA DO RESTAURANTE

10460601_1660287740864189_1557529188588399792_o

FOTO OFICIAL DO SITE BARRICA 94: INTERIOR DO RESTAURANTE

10003685_1660478477511782_6394530131740372722_o

FOTO OFICIAL DO SITE BARRICA 94: INTERIOR DO RESTAURANTE

10858575_1694986540727642_4898009243574787082_n

FOTO OFICIAL DO SITE BARRICA 94: INTERIOR DO RESTAURANTE

1459318_1704167976476165_4298011784367936346_n

FOTO OFICIAL DO SITE BARRICA 94: INTERIOR DO RESTAURANTE

Sentamos na parte superior do restaurante e o atendimento foi muito bom, principalmente pelo fato de não saber o nome do prato que eu gostaria de comer e ter sido mega bem atendida.

Agora vamos a algumas coisas que me deixou um pouco triste, é que antes da viagem vi diversas fotos de visitantes e da própria página os pratos mega arrumados, digamos que o meu não veio assim todo montado e pomposo, e o meu amigo que pediu somente um risoto veio em um pratinho feio. Confesso que parecia que a cozinha estava com preguiça de trabalhar.

O principal que seria o gosto, estava excelente, não tenho que reclamar, mas foi bem frustrante o fato de não estar muito arrumado o prato, pois comemos com os olhos, é dei azar!

BARRICA 94

BARRICA 94_

Mas vale muito a pena conhecer o restaurante, além de um bom cardápio, o local é bem bonito. O meu gasto em uma refeição e bebidas (suco e refrigerante) foi de cerca de 20 mil pesos.


COMO ÁGUA PARA CHOCOLATE

O restaurante Como Água para Chocolate é um clássico entre os visitantes da cidade de Santiago, ele fica bem próximo ao Pátio Bella Vista. O local tem toda a temática do famoso mexicano, que resumidamente é um romance, onde a personagem principal (Tita) não pode casar com seu amado, pois a tradição diz que a filha mais nova não pode casar para poder cuidar da mãe até a morte.

O restaurante é bem fofo e tem uma mesa que é toda especial, ela tem formato de uma cama e no momento da minha reserva solicitei encarecidamente por aquela mesa, pois por motivos que não vem ao caso, a nossa viagem era uma celebração a vida.

como agua para chocolate

Já começo a informar que foi o restaurante que mais gastamos na viagem. Primeiramente tenho que falar da pessoa que nos atendeu, a Zaira; se um dia alguém do restaurante ler esse post, quero que saibam que essa moça é sensacional. Sabe aquele tipo de pessoa que gosta do que faz e faz de tudo para a experiência ser ótima? A Zaira foi assim; então muito obrigada!!!

Sobre o que pedir no restaurante, isso é muito pessoal, mas vou contar a nossa experiência:

Pedimos de entrada um mix de degustação com várias coisas: mariscos, salmão, vieiras e alguns pratinhos locais.

como agua para chocolate__

Outro detalhe foi na escolha do vinho, a Zaira (que foi que nos atendeu) deu uma aula de vinho para nós, muito legal.

De prato principal foi uma orgia gastronômica, nós nos regalamos entre salmão, lomo, massas e saladas.

como agua para chocolate_____

como agua para chocolate___

A sobremesa um show a parte, também optamos por mix de sobremesas para degustar de todas as gostusuras de cardápio e de uma principal que se chama sopapillas, que novamente a nossa atendente muito atenciosa, veio nos ensinar como fazer esse doce.

como agua para chocolate_

Enfim, se alguém te falar algo do tipo, fuja desse restaurante porque é de turistas e tudo mais, por favor não escute, vá e prove você mesmo as delicias desse lugar.




 

GIRATÓRIO

O Restaurante Giratório, como o próprio nome diz, ele gira! Mas nada de aventura, com molhos voando e vinho para todo lado. É um leve girar, quase imperceptível. Dessa vez foi a segunda vez que visitei o lugar e confesso que se tivesse ido somente dessa vez eu não ia ter gostado nem um pouco.

restaurante giratorio___
Primeiro, que o restaurante é bacana durante o dia ou principalmente no por do sol, como foi da primeira vez e no verão o sol se poe muito tarde, tipo umas 21:00!

restaurante giratorio__________

FOTO DA MINHA PRIMEIRA VISITA NO RESTAURANTE – DEZ/2014

restaurante giratorio___________

FOTO DA MINHA PRIMEIRA VISITA – DEZ/2014

Dessa vez fui cerca de 22:30 e não foi a mesma magia. É lógico que é diferente porque gira, mas perde o charme no escuro. Ele ganha um plus a noite que é música ao vivo; tenho que confessar que gosto muito de restaurante com música! 🙂

restaurante giratorio

VISTA DURANTE A NOITE

Sobre o atendimento, novamente na minha primeira visita foi muito melhor. Achei dessa vez desatenciosos e demorado para servir.
Sobre os sabores, também não foi o dos melhores! Lembro que cerca de um ano e meio atrás o salmão que comi foi literalmente de “lamber os beiços” e dessa vez parecia uma refeição dessas de praça de alimentação de shopping que você nunca espera grande coisa, e essa sensação não foi só minha, pois meus amigos também não gostaram muito.

restaurante giratorio_________

PRATO ESCOLHIDO

restaurante giratorio_______

PRATO ESCOLHIDO

restaurante giratorio__

PRATO ESCOLHIDO

Então chegou a hora da sobremesa e três opções que escolhi não tinha, eis que me sugerem uma tal marmelada! Confesso que antes não tivessem me sugerido nada e falado querida fecha a conta e compra um chocolate na venda da esquina.
A outra sobremesa da mesa foi um cheescake que a aparência dele era que estava ha certo tempo esperando para ser servido. Já o mix de bombons de chocolate estava bem bom.

restaurante giratorio_

Então tenho duas experiências no Restaurante Giratório, uma maravilhosa e outra que não recomendaria. O que posso dizer é que se for conhecer o Giratório tente ir durante o dia, pois a vista será mais agradável.

Essa foi minhas duas experiências, espero que quem for visitar tenha a mesma experiência que a minha primeira visita.





HARD ROCK CAFÉ – Santiago

Hard Rock Café é um clássico das grandes cidades – uma pausa, por que cargas da água não tem Hard Rock Café em São Paulo? – e Santiago não está de fora e o restaurante fica no Shopping Costanera, mesmo shopping do Sky Costanera (mirante no maior prédio da América Latina).

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO___

O cardápio é de padrão mundial e como toda minha tradicional visita ao restaurante eu pedi o Legendary Burger ($8.990) que é minha paixão.

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO_____

Para acompanhar um drink (s/ álcool), que era um frozen de manga com morango, quase uma sobremesa…rsrsrs.

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO____

Outro prato pedido na mesa foi a costelinha com papas fritas, tipo aquelas do Outback, e é enorme, da para duas ou até três pessoas. O restaurante tem toda a temática de astros da música que mesclam entre o rock e o pop.

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO__

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO_

Na frente do restaurante tem uma loja que vende os produto com a marca da rede, quase impossível não querer levar uma recordação.

HARD ROCK CAFÉ SANTIAGO

Sobre o atendimento, o que eu posso dizer que foram super simpáticos, mas achei meio “devagar”, tipo demoraram para nos atender, mas como estamos de férias, sem pressa, sem problema hahahaha.

Então, uma boa pedida para você que for visitar o Sky Costanera ou passear no shopping.




EL GALEÓN

Antes de tudo mais eu tenho que deixar aqui expressado como eu “odeio” visitar esses mercados. Hahahah. Gente, eu não gosto, porque está escrito na nossa cara que somos turistas e dai começa uma chuva de gente querendo oferecer as coisas e você nem consegue aproveitar o local.

Depois dessa breve expressão de opinião, vou falar sobre o El Galeón, restaurante que fica no Mercado Central de Santiago.

Na minha primeira visita na cidade de Santiago eu almocei em outro restaurante famoso do mercado, o Donde Augusto, e sinceramente não foi muito do meu agrado, achei caro e as coisas que tinha pedido não eram nada saborosas, normais. Dessa vez resolvemos experimentar o El Galeón, porque queríamos comer a famosa Centolla.

el galeón

EU COM O BICHINHO TAMANHO P

Mas o que é a Centolla? É uma espécie de caranguejo gigante que vive em águas muito geladas, como da Patagônia e Alaska; e acho que posso dizer que é bem famosa entre os turistas.

el galeón__

NOSSA REFEIÇÃO!

el galeón____

APÓS O CORTE

el galeón_____

MAIS COMIDINHAS

el galeón_

PARA QUEM NÃO COME PEIXE OU FRUTOS DO MAR

el galeón___

PISCO!!!

E sobre o Mercado Central, é um local que no ano de 1984 foi declarado como Monumento Nacional, e acredito que um dos locais mais visitados por turistas na cidade de Santiago.

O restaurante tem mais de 4 gerações e a nova reforma deixou o local com uma cozinha aberta ao público.

Agora sobre a refeição, desde da minha primeira visita a Santiago queria comer a famosa Centolla e como me disseram que custa, cerca de 500 reais, acabei desistindo por ser um valor muito alto, e acabei nem pesquisando direito isso.

Dessa vez, comemos a famosa Centolla e pedimos uma pequena que custou 49 mil pesos, que da cerca de 270 reais e dividimos para 3 pessoas, e nos servimos bem, deu para experimentar. Foi uma boa experiência, mas falando do atendimento, ai meu Deus! Isso precisam melhorar, não é possível ter um restaurante em um dos locais mais históricos com um atendimento daquela forma.

Então minha opinião é o seguinte, se quer experimentar a famosa Centolla e a um preço um pouco mais barato que os outros restaurantes, agora se não quer comer esse prato típico acredito que pode pular o Mercado Central no quesito para fazer alguma refeição.




DUBLIN IRISH PUB

Sabe aqueles lugares que não tem assim tanta coisa diferente, mas você se simpatiza de uma tal forma que depois de quase dois anos que visitou, quando volta pra cidade faz um pit stop por lá?

O Dublin é um desses lugares, a primeira vez que visitei o lugar foi porque me simpatizei com a cara do pub e também alguns amigos tinham indicado.

O pub fica no Patio Bella Vista e é um bom lugar para drinks ou até mesmo comer um lanche, que é enorme, quando digo enorme é gigantesco mesmo.

Nessa ultima visita ao Dublin ficamos apenas nos “bons drinks”, pois iriamos jantar no Como Água para Chocolate que fica do ladinho.

DUBLIN IRISH PUB SANTIAGO

Gastamos nas 4 bebidas 12700 pesos chilenos, que convertendo para real (paguei 182 no peso nessa viagem) 70 reais.

Mas digo que a sorte desse lugar é pelo ambiente aconchegante, pois o atendimento não é assim a mil maravilhas. As pessoas parecem trabalhar em marcha lenta, o que em excesso acaba não agradando. Mas mesmo assim, acho que vale uma paradinha.

 

LAS URRACAS

Na verdade Las Urracas é um multi espaço que antes era somente baladinha e agora tem um restaurante/bar, no qual se você vai antes para este não para entrar na baladinha, lembrando que ela também tem esquema de lista no facebook da casa. Agora vamos ao que importa, fomos até Las Urracas para poder “jantar” e ver a partida de futebol do Chile x México; primeiro ponto é que o táxi até lá, claro se você estiver ali pelo centro como eu estava, é quase um soco na cara! 12 mil pesos

Dai chegamos lá no tal restaurante/bar e a nos primeiros 2 minutos o garçom parecia muito simpático, até que ele soltou várias pérolas, as quais vou descrever para vocês:

Número 1:

Meus amigos queriam provar a tal bebida Terremoto e perguntaram para o tal garçom se ali tinha; a resposta na minha opinião mais sensata seria: não aqui não tem! Mas se vocês forem em bares no centro é mais fácil de achar! Mas não, a resposta dele foi em tom arrogante: “AQUI É UM BAR INTERNACIONAL, NÃO TEM ESSES TIPOS DE BEBIDAS!

 

Número 2:

Os meus amigos (meninos) já sabiam o que queriam quando o tal garçom voltou a mesa e as meninas estavam decidindo, eis que ele me solta: “AI, MULHERES!!!” de um tipo pejorativo, porque estava demorando para escolher, e volta “É QUE NÃO PODEMOS COLOCAR O PEDIDO DELES SE NÃO ESCOLHER DE VOCÊS”, tipo oi? Desde de quando isso é regra?

Número 3:

Quando minha amiga decidiu o que queria e foi pedir, ela pediu uma Salada Caesar e uma Quesadilla, o moço novamente deu o ar da graça: “MAS É MUITA COISA!”, mas novamente em um tom rude. Eu o entendo de avisar que é muita comida, mas tipo simpatia né!

Número 4:

Na hora de pedir a conta o digníssimo garçom trouxe a maquininha de cartão de crédito, e foi passar o cartão de todo mundo e dava erro – detalhe, horas antes havia usado – daí falei para ele tentar passar o cartão ao invés de usar o chip, porque mais de uma vez em locais fora do Brasil o chip deu erro e ele se recusou, dizendo que o problema era meu cartão. Sendo que depois usei normalmente.

E continuando na linha pagamento, dividimos nossas contas, e colocamos o 10% (porque somos educados) e tipo dava quebrada a conta, por exemplo: 9860 pesos, daí ele queria o dinheiro certo, pois o troco quebrado de 140 pesos ele não ia nos dar! Eu sei que o valor é ridículo, mas achei muito mais ridículo isso ser uma regra da casa, como dizem que é um bar internacional, estão precisando passear um pouco pelo mundo para ver o que é atendimento.

Ok! Depois de todo o perrengue para pagar a conta é hora de curtir a “balada”. Até que enfim algo para alegrar a noite.

IMG_8437

A música é bem animada me agradou bastante.

Agora se eu indicaria ir até lá? Não!

Prefiro indicar o Camino al Cerro, mega simples, que conto abaixo do que falar para ir lá!

 

CAMINO AL CERRO

Camino al Cerro foi um local totalmente achado em nosso último dia de viagem? Estavamos caminhando ali pela Calle Pio Nono, pois meus amigos queriam experimentar o famoso TERREMOTO e não é esse:

 

E nem esse:

 

TERREMOTO é uma bebida tipicamente chilena feita de vinho pipeño ou vinho branco, fernet, licor, grenadine e sorvete de abacaxi e isso tudo normalmente em pequeno copo de meio litro..rsrsrs.

terremoto

Dizem que o nome foi dado após o terremoto de 1985 no Chile, mas como disse o garçom o nome vem que depois que você bebe, ao levantar tudo balança!

Enfim, na frente desse bar fica outro que a música é tão alta que você também curte junto, os famosos reggaeton e o pessoal é mega mega mega atencioso.

Então se quer beber o famoso Terremoto e fugir da famosa La Pijoera essa é uma opção




 

Amante de viagens, apaixonada por moda e alucinadamente curiosa, junta tudo num potinho e o resultado sou eu!
Siga nas redes sociais.

Related Post